A face desejada de Deus

Estadão | Blog Edison Veiga
Francisco Borba Ribeiro Neto

O sucesso do papa Francisco indica um caminho obrigatório para a Igreja. Mas também revela algo sobre nós e nossa sociedade. Mostra que o racionalismo e o cientificismo, o desenvolvimento socioeconômico e a prosperidade material, até mesmo a liberdade e a erotização da revolução dos costumes, não conseguem preencher o coração humano.

Entre resignação, cinismo ou revolta, vivenciamos e até glamourizamos o “mal-estar da civilização”. Francisco, inesperadamente, testemunha que a vida não precisa ser assim, condena aquilo que nos desumaniza, deixando claro que não nos condena...

> Leia no site do jornal, o texto completo.