Rumo ao Meeting. A maravilha e a recuperação possível

Uma edição especial não só para o Meeting de Rímini, mas também para sua tradicional prévia na Ligúria. Quatro dias de diálogos sobre o tema “Sem maravilhamento, ficamos surdos ao sublime”

Sinais de um novo início

Saiu a edição brasileira da Revista Passos. Confira o Sumário e o Editorial
Cartas

Caracas. Viver sem anestesia

Rafael conta a Venezuela da água racionalizada, da pobreza e da pandemia: «Queria apagar tudo, esconder-me do mundo, na dor do nada». Mas algo resiste nele, um desejo, uma chama

A forma mais dolorosa de uma perda é quando você sabe que é para sempre. Quando se dá conta de que passou, de que se foi, você se arrepende muito, se irrita muito com o mundo que parece seguir como se nada acontecesse, enquanto você sente que tudo está de...

Diante dos desafios do dia a dia

A distância da família e a redescoberta do valor do Movimento para a própria vida. A percepção da fragilidade e a retomada cheia de gratidão. Que influencia até no uso do dinheiro. Uma carta de Salvador

Portugal. O nada e a baleia

«Questão de afeição à história que nos agarrou». Constança e algumas amigas da universidade, durante a quarentena começam uma série de encontros online para dialogar sobre leituras, filmes, música...Eis o que aconteceu
Eneias e Anquise pintados por Rafael
Cartas

As paredes de casa e o horizonte da vida

De um telefonema para uma amiga nasce uma iniciativa online de encontros culturais internacionais, “É-née”, Eneias. Em meio à pandemia, «uma ocasião para eliminar fronteiras e encontrar amigos distantes»

Recentemente, algumas frases do escritor Michel Houellebecq, um autor muito polêmico no panorama literário francófono, retornaram à vida do movimento. Sem dúvida, não é um autor que eu teria escolhido ler: o mal-estar e o tédio diante da vida que emanam d...

«O mistério renove em vós o fascínio do primeiro encontro com Cristo»

Este ano, ordenações “especiais” para os novos diáconos e padres da Fraternidade São Carlos. Veja aqui a mensagem de Julián Carrón para eles
Atualidade

«Como preenchê-lo, este abismo da vida?»

O capítulo 2 do livro de Julián Carrón O brilho dos olhos - O que nos arranca do nada?, que virá junto com a Passos de agosto

A pergunta que pusemos no centro da nossa atenção é fundamental: «O que nos arranca do nada?» Como podemos, no drama inevitável da vida, deixar de sucumbir à nossa vulnerabilidade e à nossa impotência? O que pode responder ao vazio de sentido? O choque pr...