Vai para os conteúdos
Logo Tracce
Compartilhar no Facebook   Compartilhar no Twitter   Compartilhar no Linkedin   MySpace

OS FATOS

Dia Nacional da Coleta de Alimentos

17/11/2017 - O Dia Nacional da Coleta de Alimentos arrecadou 174 toneladas em 56 cidades brasileiras no dia 11 de novembro de 2017. A campanha chegou a 12ª edição contando com mais de 6 mil voluntários. Leia a carta de uma dessas voluntárias.

A 12ª edição do Dia Nacional da Coleta de Alimentos ocorreu no dia 11 de novembro de 2017. No mesmo dia, os alimentos doados por quem foi aos supermercados foram entregues aos Bancos de Alimentos parceiros nas cidades participantes, que distribuirão às entidades cadastradas nos próximos dias.

Acompanhe outras informações sobre a ação, como o total arrecadado por cidade participante, e a entrega dos alimentos em www.coletadealimentos.com.br e na página da Coleta no Facebook https://www.facebook.com/coletadealimentos.

Abaixo publicamos a carta de um dos voluntários participantes desse gesto.

Todo ano eu termino a Coleta de Alimentos com a sensação de que eu poderia ter feito mais. Este ano não foi diferente. Mas durante os dias seguintes à Coleta, me dei conta de que a coisa mais bonita que havia acontecido no Dia da Coleta não aconteceu por um esforço meu ou por eu ter feito tudo para que a Coleta saísse bem. A coisa mais bonita foi ver meu filho, que decidiu fazer a Coleta na cidade que estuda, dividir suas incertezas com uma pessoa que ele nem conhecia, por acreditar que ela queria o melhor para ele e para a Coleta. Foi ver minha filha radiante em ser voluntária durante 8 horas seguidas e no final ainda dizer: “mãe, adoro fazer isso!”. Foi ver amigos, família, vizinhos dizerem um sim para a Coleta porque viram uma oportunidade de ajudar alguém. Por ver que a crise existe, mas muitas pessoas ainda preferem dividir o que tem. Mesmo que eu tivesse feito tudo o que eu penso que deveria ter feito, eu não conseguiria que estas coisas tivessem acontecido. A Coleta é bonita por causa disto: mexe com a liberdade das pessoas, faz com que elas se movam e mostra que o coração da gente tem um desejo grande de bem!
Rose, Londrina/PR

 
 

Credits / © Sociedade Litterae Communionis Av. Nª Sra de Copacabana 420, Sbl 208, Copacabana, Rio de Janeiro - RJ
© Fraternità di Comunione e Liberazione para os textos de Luigi Giussani e Julián Carrón

Volta ao início da página